A novidade “Galeria José e Paulina Nemirovsky – Arte moderna” que apresenta mais de 100 peças a partir deste sábado (22) às 11h,  faz da Pina o único museu de São Paulo com obras que contam toda a História da Arte no Brasil. A exposição fica em cartaz até agosto de 2019.

As 700 obras, distribuídas em 2mil metros quadrados, contam a História da Arte no Brasil do período colonial até os anos 1970. “Essa é uma exposição única e especial, que percorre grande parte do cenário histórico-cultural brasileiro do século XX. ”, disse a curadora Valéria Piccoli.

Antropofagia, 1929, óleo sobre tela, Tarsila do Amaral. A obra compõe o acervo na Pinacoteca(Foto: Reprodução Warburg)

Antropofagia, 1929, óleo sobre tela, Tarsila do Amaral. A obra compõe o acervo na Pinacoteca(Foto: Reprodução Warburg)

A mostra é uma reorganização e ampliação da mostra sobre modernismo, que ficou em cartaz por quatro anos na Estação Pinacoteca e agora ocuparão cinco salas no primeiro andar do edifício da Luz e faz conexão entre a exposição do segundo andar “Arte no Brasil: Uma história na Pinacoteca de São Paulo” e “Vanguarda brasileira doa anos 1960 – Coleção Roger Wright”, aberta recentemente.

Inaugurada no primeiro andar, tem como foco importantes momentos do período moderno no Brasil: as inovações formais do primeiro Modernismo (de Tarsila e Lasar Segall), a preocupação com questões sociais que marca a obra de Portinari e Di Cavalcanti, o interesse pelos artistas autodidatas ou treinados fora das academias de arte (como Volpi, Pancetti e José Antonio da Silva), a emergência da abstração lírica e geométrica. A exposição também reúne obras do período Concreto e Neoconcreto, finalizando com uma seleção de peças ligadas às correntes mais líricas do abstracionismo.

Antropofagia (1929) de Tarsila do Amaral, Homem andando (entre 1936 e 1937) de Ernesto de Fiori e Fachada (1955) de Volpi, são algumas das obras expostas. José e Paulina Nemirovsky são os colecionadores que se associaram à instituição pública com o intuito de dar maior visibilidade a este patrimônio artístico, e nomeiam a galeria.

Detalhes:

Praça da Luz, 02, 1º andar da Pinacoteca.

De quarta à segunda-feira, das 10 às 17h30 (permanência até às 18h).

Ingresso: R$ 6 (inteira) e R$ 3 (meia).

Crianças com menos de 10 e adultos com mais de 60 anos não pagam.

Aos sábados a entrada é gratuita para todos os visitantes.
Mais informações.:  (11) 3324-1000